Como Sísifo.

fevereiro 24, 2010

A música de bolso – dos reprodutores de som portáteis – servem um propósito maior do que o simples entretenimento auricular: não é mais emocionante retornar à casa ao som de uma power balad do que ao de carros esquentando pela avenida? A espera pelo coletivo não se intensifica ao som de uma guitarra elétrica? O simples ato de abrir a geladeira não escapa da mundaneidade quando acompanhado de um baixo freneticamente monocórdico? Há um propósito aqui; uma vontade: os fones isolam nossos ouvidos do zunido prosaico do mundo para que, através da música, nossa vida adquira, enfim, algum sentido.

Anúncios

4 Respostas to “Como Sísifo.”

  1. Luigi Says:

    Muito boa essa palavra, né, “coletivo”. Gosto muito ^^

  2. Ad Pinheiro Says:

    E que tal correr ouvindo Eye of the Tiger?

  3. Caio Marinho Says:

    Seria bastante apropriado, meu caro. Dependendo do humor, claro. Poderia rolar um All By Myself também.


Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: